Extensão

Extensão Universitária

Cursos de Extensão

O "Projeto Rondon"

Trata-se de um projeto de integração social coordenado pelo ministério da Defesa em parceria com a Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação - MEC. A ação envolve atividades voluntárias de universitários e busca aproximar os estudantes da realidade do país, além de contribuir para o desenvolvimento de comunidades carentes.

A universidade participa, efetivamente, desde 2006, em um total de 28 operações no Projeto Rondon, com equipes que desenvolvem atividades em diversos Estados do Brasil.

O Governo Federal relançou o Projeto Rondon, em 2005, a fim de atender o pleito dos estudantes universitários do país interessados em contribuir para a solução de problemas sociais da população.

O Projeto Rondon tem por finalidade levar as Instituições de Ensino Superior e seus estudantes às regiões menos favorecidas do Brasil, de modo a dar-lhes a oportunidade de conhecerem as realidades locais, socializarem seus saberes e, na interação com as comunidades, elaborarem propostas e criarem soluções participativas, de modo a atenuar as deficiências estruturais locais, contribuir para o bem-estar dessas populações, e, simultaneamente, consolidar a formação dos universitários como cidadãos.

Universidade de Vassouras e o Projeto Rondon

Desde o convite feito as IES pelo Ministério da Defesa em 2005, com aplicação em janeiro de 2006, a Universidade de Vassouras vem participando do Projeto Rondon. Atualmente é uma das IES do país que mais participaram do Projeto Rondon, desde o seu retorno (2005).

A Universidade de Vassouras (antes Universidade Severino Sombra) iniciou suas atividades em Janeiro de 2006 no Projeto Rondon, no Município de Araguatins/TO, com ações de desenvolvimento sustentável e gestão pública. Desde então, a universidade participou de operações, nos municípios e Estados, conforme listagem abaixo:

  • 1. Julho/2017 - Operação Rondônia Cinquentenário, no Município de Cacaulândia, no Estado de Rondônia, com ações do Conjunto B;
  • 2. Julho/2015 - Operação Itacaiúnas, no Município de São Domingos do Araguaia, no Estado do Pará, com ações do Conjunto A;
  • 3. Janeiro/2015 - Operação Mandacaru, no Município de Irauçuba, no Estado do Ceará, com ações do Conjunto B;
  • 4.Janeiro/2014 – Operação Portal da Amazônia, no Município de Amarante do Maranhão, no Estado do Maranhão, com ações do Conjunto B;
  • 5. Julho/2013 - Operação Marinha do Brasil – ASSHO, Operações de Assistência Hospitalar às populações ribeirinhas do Amazônas, através de Navios de Assistência Hospitalar (NAsH) da Marinha do Brasil, 01 aluno do Curso de Medicina selecionado;
  • 6. Julho/2013 – Operação Forte do Presépio, no Município de São João da Ponta, no Estado do Pará, com ações do Conjunto A;
  • 7. Julho/2012 – Operação Capim Dourado, no Município de Tocantínia, no Estado de Tocantins, com ações do Conjunto B;
  • 8. Julho/2011 – Operação Ioapoque, no Município de Vitória do Jarí, no Estado do Amapá, com as ações do Conjunto B;
  • 9. Julho/2011 – Operação Peixe-Boi, no Município de São Sebastião de Uatumã, no Estado do Amazonas, com as ações do Conjunto A;
  • 10. Janeiro/2011 – Operação Rio do Siris, no Município de Japoatã, no Estado de Sergipe, com as ações do Conjunto B;
  • 11. Janeiro/2011 – Operação Seridó, no Município de Timbaúba do Batistas, no Estado do Rio Grande do Norte, com as ações do Conjunto B;
  • 12. Julho/2010 – Operação Rei do Baião, no Município de São José do Belmonte, no Estado de Pernambuco, com as ações do Conjunto B;
  • 13. Julho/2010 – Operação Catirina, no Município de Pirapemas, no Estado do Maranhão, com as ações do Conjunto B;
  • 14. Janeiro/2010 – Operação Centro-Nordeste, no Município de Divinópolis do Tocantins, no Estado de Tocantins, com as ações do Conjunto B;
  • 15. Janeiro/2010 – Operação Centro-Nordeste, no Município de Coité do Nóia, no Estado do Alagoas, com as ações do Conjunto A;
  • 16. Julho/2009 – Operação Nordeste-Sul, no Município de Queimadas, no Estado da Paraíba, com as ações do Conjunto B;
  • 17. Janeiro/2009 – Operação Centro-Norte, no Município de São João da Baliza, no Estado da Roraima, com as ações do Conjunto B;
  • 18. Julho/2008 – Operação Norte de Minas, no Município Capitão Enéas, região de Montes Claros, no Estado Minas Gerais, com as ações do Conjunto B;
  • 19. Fevereiro/2008 – Operação Rio Grande do Sul, no Município de Santa Vitória do Palmar, no Estado do Rio Grande de Sul, com as ações do Conjunto B;
  • 20. Janeiro/2008 – Operação Grão-Pará, no Município de Santa Luzia do Pará, no Estado do Pará, com as ações do Conjunto B;
  • 21. Janeiro/2008 – Operação Grão-Pará, no Município de Nossa Senhora dos Remédios, no Estado do Piauí, com as ações do Conjunto B;
  • 22. Julho/2007 – Operação Inverno 2007, no Município de Pojuca, no Estado da Bahia, com as ações do Conjunto A;
  • 23. Julho/2007 – Operação Centenário da Comissão Rondon, no Município de Barra do Bugres, no Estado do Mato Grosso, com as ações do Conjunto B;
  • 24. Julho/2007 – Operação Centenário da Comissão Rondon, no Município de Itaubal, no Estado do Amapá, com as ações do Conjunto B;
  • 25. Janeiro/2007 – Operação Nordeste 2007, no Município de Ibirapitanga, no Estado da Bahia, com as ações do Conjunto B;
  • 26. Janeiro/2007 – Operação Nordeste 2007, no Município de São Pedro da Água Branca, no Estado do Maranhão, com as ações do Conjunto B;
  • 27. Janeiro/2007 – Operação Nordeste 2007, no Município de Pojuca, no Estado da Bahia, com as ações do Conjunto A;
  • 28. Fevereiro/2006 – Operação Amazônia 2006, nos Município de Araguatins, no Estado de Tocantins, com as ações do Conjunto B.

O Núcleo Rondon

O Núcleo Rondon foi institucionalização por Portaria, fazendo parte da Pró-Reitoria de Extensão Universitária e Desporto. O Núcleo Rondon é responsável por organizar a participação da Universidade de Vassouras nas operações do Projeto Rondon, tendo como objetivos: promover a divulgação do Projeto Rondon a nível institucional e local, estimulando e viabilizando a participação de professores e alunos nas atividades e operações do projeto e contribuir na elaboração das propostas de ações para serem encaminhadas ao Ministério da Defesa para participação da seleção das IES nas operações do Projeto Rondon.

Fotos da Operação Rondônia Cinquentenário e Operação Itacaiúnas, no Município de São Domingos do Araguaia:

Núcleo de Estudos das Relações Étnicas Afro-Brasileiras e Indígenas - NEABI

Exposição Virtual "Os Primeiros Brasileiros"

Link de acesso à exposição: https://osprimeirosbrasileiros.mn.ufrj.br/pt/

Apresentação

O Núcleo de Estudos das Relações Étnicas Afro-Brasileiras e Indígenas (NEABI) da Universidade de Vassouras tem por finalidade promover a produção e a disseminação do conhecimento por meio do ensino, da pesquisa e da extensão nas áreas dos estudos da História Africana, da Cultura Afro-Brasileira e Indígena.

Desta forma, o NEABI atua no apoio à implantação da transversalidade dos temas acerca das relações étnico-raciais junto aos cursos ofertados pela Universidade de Vassouras visando promover e incentivar as pesquisas e as ações extencionistas desenvolvidas por grupos que desenvolvem ações culturais.

Base Leal

As atividades do NEABI são subsidiadas pela Lei N° 9.394/96, com a redação dada pelas Leis N° 10.639/2003 ( que estabelece o ensino da História da África e da Cultura Afro-Brasileira nos sistemas de ensino) e N° 11.645/2008 (que dá a mesma orientação quanto à temática indígena), da Resolução CNE/CP N° 1/2004, fundamentada no Parecer CNE/CP N° 3/2004 (instrumentos legais que orientam ampla e claramente as instituições educacionais quanto a suas atribuições.)

Objetivos

O NEABI tem por objetivo promover a inserção da temática de modo a difundir os conhecimentos, estratégias e experiências por meio da transversalidade junto aos cursos de graduação. Neste sentido, são elaboradas ações que contemplam: reuniões científicas, seminários, conferências, painéis, simpósios, encontros, palestras, oficinas, atividades artístico-culturais, cursos de extensão, além de exposições direcionadas à área de atuação e formação da IES.

Coordenação

Profa. Me. Marcia Sena Barbosa Monsores Ribeiro

Contato

  • Pró-Reitoria de Extensão Universitária e Desportos
  • Praça Martinho Nóbrega, 40, Centro – Vassouras – RJ CEP 27700-000
  • E-mail: neabi@universidadedevassouras.edu.br
  • Telelefone: (24) 2471-8358

Links Úteis

Coletânea de links para downloads de livros em PDF sobre Relações Étnico-raciais no Brasil e no mundo. Compilados pela página Afroindígena - Material Educacional no Facebook:

Apresentação

A Pró-Reitoria de Extensão Universitária e Desportos da Universidade de Vassouras tem em seu escopo um processo interdisciplinar, educativo, cultural, científico e político, por meio do qual se promove uma interação que transforma não apenas a universidade, mas também os setores sociais com os quais esta interage. A Extensão Universitária denota também prática acadêmica a ser desenvolvida de forma indissociável com o Ensino e a Pesquisa, com vistas à promoção e garantia dos valores democráticos, da equidade e do desenvolvimento da sociedade em suas dimensões humana, ética, econômica, cultural, social. Na Universidade de Vassouras, a Extensão representa uma abertura à comunidade e um espaço acadêmico por meio do qual, estudos, pesquisas, ações sociais e prestação de serviços tornam possível uma troca de saberes com vistas à melhoria do desenvolvimento regional.

Projetos de Extensão Universitária

Jornada Severino Sombra

A Pró-Reitoria de Extensão Universitária e Desportos da Universidade de Vassouras é responsável pela competente na realização de diferentes eventos, um deles e o mais reconhecido é a Jornada Severino Sombra. Anteriormente denominada Semana Severino Sombra, sendo criada pela presidência da FUSVE em homenagem ao seu fundador e primeiro Reitor da Universidade Prof. Severino Sombra de Albuquerque logo após seu falecimento, com objetivo de enaltecer a memória, obra e patrimônio deixado para o público que aqui vem buscar o conhecimento e a realização de um sonho. A Jornada Severino Sombra é marcada por diversas atividades que visam o aculturamento, integração e exposição das atividades realizadas na academia, intercâmbio com outras instituições e comunidade em geral. O evento visa incentivar a interdisciplinaridade e a integração ensino, pesquisa e extensão, além de divulgar os trabalhos científicos desenvolvidos na universidade.

IX Jornada Severino Sombra - Faça sua inscrição
Capa
Programação

Responsabilidade Social

Por provar o seu comprometimento com a educação e a sociedade, a Universidade de Vassouras é anualmente avaliada pela ABMES (Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior) e sucessivamente tem recebido o selo de "IES Socialmente Responsável".

O selo é concedido às instituições que comprovam a participação em ações sociais de impacto na sociedade, em virtude de vários projetos de Extensão Universitária e de ações sociais. As atividades realizadas durante o ano, culminam em ações conjuntas e multidisciplinares no "Dia da Responsabilidade Social do Ensino Superior Particular", que vem a ser um grande evento promovido pela ABMES em parceria com Instituições de Ensino Superior particulares do Brasil.

A certificação representa o reconhecimento das ações de inserção e inclusão social promovidas pela Universidade de Vassouras. A honraria traz maior visibilidade às atividades realizadas nas áreas de ensino, pesquisa e extensão e prova que a Universidade cumpriu todos os requisitos no que diz respeito aos projetos socialmente responsáveis. É motivo de orgulho para toda a comunidade acadêmica.

Entre os trabalhos que contribuem para que a Instituição renove a validação do selo, estão: Mostras de Extensão Universitária, simulado de atendimento pré-hospitalar, atividades educativas e culturais voltadas à comunidade e Feiras de Saúde, com oferecimento de serviços básicos de saúde à população.

Normas e Regulamentos

Informações sobre como salvar um arquivo PDF editável:

Para melhor visualização dos documentos editáveis, utilizar os seguintes softwares: Adobe Acrobat Reader ou Foxit Reader. OBS: Os novos navegadores utilizam um visualizador de PDF próprio, este não é adequado para salvar o documento preenchido. Assim peço que salvem os arquivos no computador de acordo com os procedimentos a seguir:

Procedimentos para salvar o arquivo PDF editável:

  • 1. Após clicar no aquivo PDF, salve-o no seu computador.
  • 2. Após ter salvo o aquivo PDF no computador, dê duplo clique para abrir o aquivo.
  • 3. Depois de ter realizado todo o preenchimento do arquivo, clique no menu File ou Arquivo que encontra-se na parte superior esquerda da tela e depois em Save As ou Salve Como.
Programas para download:
Formulários

Observações:

  • * Obrigatório preenchimento de todos os campos. Obrigatório envio junto ao formulário o projeto completo, conforme modelo acima;
  • ** Obrigatório preenchimento de todos os campos. Obrigatório preenchimento de todos os campos;
  • *** Obrigatório preenchimento de todos os campos. Obrigatório anexar lista de presença original escaneada ou print de tela (contendo nome, matricula e e-mail).
Normas e Regulamentos

Envio de Formulários

Visitas à Universidade de Vassouras

O Programa Institucional “#CHEGAMAIS” da Pró-Reitoria de Extensão e Desportos recebe e acompanha visitantes, egressos, grupos escolares e cursos pré-vestibular apresentando as instalações e cursos da universidade.

Agende a sua visita: (24) 2471-8358

recep.extensao@universidadedevassouras.edu.br

Galeria

Projeto Chega Mais da Pró-Reitoria de Extensão Universitária recebe alunos do Centro Educacional Jardim Amália

Os 66 alunos tiveram a oportunidade conhecer a Clínica de Odontologia, Clínica Veterinária, Anatômico, Cervejaria e Laboratórios do Campus da Universidade.

Foi um prazer imenso recebê-los!

Apoios e Ações Institucionais

Calendário de Formatura

FORMATURAS – COLAÇÃO DE GRAU

As Colações de Grau Oficiais da Universidade de Vassouras são organizadas pela Pró-Reitoria de Extensão Universitária e Desportos para todos os formandos, gratuitamente, eoferece todo suporte ao aluno e a coordenação de cada curso.

As datas são definidas juntamente com a Secretaria Acadêmica, Coordenação do Curso e Pró-Reitoria de Extensão Universitária e Desportos.

COMISSÃO DE FORMATURA

As Comissões de Formatura são organizações formadas por alunos para orientar seus colegas e proceder sobre os assuntos relacionados à cerimônia de colação de grau, culto, aula da saudade, baile de gala, entre outras atividades afins. Elas podem ser constituídas formalmente por meio da Ata de Posse da Comissão de Formatura e cada turma deverá ter somente uma única comissão.

Devem ser concedidas todas as informações necessárias para a elaboração do cerimonial e preenchido o Protocolo de Cerimonial.

Cabe à comissão convidar os professores homenageados e autoridades para todas as atividades e eventos ligados à formatura.

É de responsabilidade da turma eleger alunos para compor a Comissão de Formatura que deverá ser oficializada através da “Ata de Posse da Comissão de Formatura”, onde todos os alunos da turma assinam, concordando com os termos da Comissão, que serão responsáveis, por todos os assuntos referentes à Formatura.

No último período do curso, a Pró-Reitoria de Extensão Universitária agendará reuniões com as Comissões para tratar da Colação Oficial de Grau.

A Comissão deverá preencher junto com a turma, Protocolo de Cerimonial, que deverá ser enviado via e-mail, respeitada a data marcada em reunião anterior, para o envio do documento à Cerimonialista.

HOMENAGENS

As homenagens só podem ser conferidas com os seguintes títulos:

a) Paraninfo

O paraninfo tem os atributos de um padrinho da turma. É uma personalidade destacada no campo científico do curso. Trata-se, em geral, de pessoa viva de notório saber acadêmico, reconhecida competência e padrão de referência na área. A escolha deve ser um consenso entre a turma e não somente da comissão de formatura. O Paraninfo discursa no dia da cerimônia de colação de grau como se fosse uma última aula aos formandos, antes de receberem o grau.

b) Patrono

Assim como o paraninfo, um patrono figura como um padrinho da turma, mas não profere a última aula. É uma homenagem para destacar um professor ou um profissional da área que inspirou e motivou a turma durante o curso.

c) Nome de turma

O nome de turma, em geral, é uma homenagem a alguém que mantém prestígio incondicional junto à turma, podendo ser como homenagem póstuma. Não são permitidos Nomes de Turma mencionando clubes esportivos, programas de televisão, nomes de remédios, títulos de filmes ou nomes de música. O nome de turma deve ser, necessariamente, de uma pessoa de destaque em suas funções em âmbito local, regional, estadual, nacional ou internacional.

d) Professores ou Funcionários Homenageados

Os homenageados são integrantes do corpo acadêmico ou administrativo da Instituição, que durante o curso mereceram o reconhecimento e gratidão da turma como um todo. São escolhidos por aclamação ou por eleição direta.

CONVITES

Os convites relacionados a formatura são de responsabilidade da comissão e/ou aluno. Sendo assim, os convites devem conter os dados da turma ou somente do aluno, não das autoridades da Universidade. Quem convida é a comissão ou o próprio aluno.

Exemplo 1: A Turma X do curso de Psicologia, convida v. sª para cerimônia de Colação Festiva, que será realizada no local X, no dia X, no horário X.

Exemplo 2: É com imenso prazer que Carla Barbosa convida v. sª para cerimônia de Colação Festiva, que será realizada no local X, no dia X, no horário X.

INFORMAÇÕES QUE PRECISAM ESTAR NO CONVITE:

  • - Nome do formando, em destaque
  • - Nome do local e endereço - da cerimônia e da festa, se acontecerem em lugares diferentes
  • - Data
  • - Horário
  • - Nome do convidado, escrito normalmente no envelope ou na tag de fechamento